segunda-feira, 8 de outubro de 2007

Futebol é coisa de macho...mesmo?

Não posso deixar passar essa.

Um cara chamado por "Betão", zagueiro do time mais esculhambado do campeonato, marca o gol da vitória sobre o virtual campeão brasileiro.

E chora.



Depois são os são-paulinos chamados de "bambis"?

Voltemos à nossa programação normal.

Um comentário:

Thejesus disse...

Tem razão. O futebol deveria seguir o exemplo do próprio São Paulo, que não tem restrições de contratar jogadores com tendências sexuais alternativas, como um certo atacante...